Título: O Chamado do Cuco
Título Original: The Cuckoo's Calling
Autor: Robert Galbraith (Pseudônimo de J.K. Rowling)
Ano: 2013
Editora: Rocco
Páginas: 447
Sinopse: Quando uma modelo problemática cai para a morte de uma varanda coberta de neve, presume-se que ela tenha cometido suicídio. No entanto, seu irmão tem suas dúvidas e decide chamar o detetive particular Cormoran Strike para investigar o caso.

Strike é um veterano de guerra, ferido física e psicologicamente, e sua vida está em desordem. O caso lhe garante uma sobrevida financeira, mas tem um custo pessoal: quanto mais ele mergulha no mundo complexo da jovem modelo, mais sombrias ficam as coisas e mais perto do perigo ele chega.

Um emocionante mistério mergulhado na atmosfera de Londres, das abafadas ruas de Mayfair e bares clandestinos do East End para a agitação do Soho. O chamado do Cuco é um livro maravilhoso. Apresentando Cormoran Strike, este é um romance policial clássico na tradição de P.D. James e Ruth Rendell, e marca o início de uma série única de mistérios.



"O Chamado do Cuco" é o primeiro livro do gênero policial da autora J.K. Rowling. Neste primeiro livro, Rowling (sob o pseudônimo de Robert Galbraith) nos apresenta à Cormoran Strike, veterano da guerra e detetive particular, e à Robin Ellacott, secretária e fiel assistente de Strike. Os dois, juntos, irão protagonizar uma série de romances policiais. Série esta que já conta com dois livros lançados ("O Chamado do Cuco" e "O Bicho-da-Seda") e um anunciado ("Career Of Evil" que tem lançamento previsto para Outubro de 2015).


Para um primeiro livro de série, Robert Galbraith fez bonito. Ok, houveram algumas falhas (uma inclusive que me incomodou bastante), mas o saldo final foi bem positivo.

A construção do livro foi muito bem feita. Os personagens são bem construídos e extremamente cativantes; A ambientação do livro também está incrível e o caso a ser resolvido por Strike também é muito bem desenvolvido. A única falha no livro todo é justamente a conclusão do caso de Lula Landry, mas falarei sobre isso mais adiante.
 

"E então, finalmente, o frenesi se esgotou a tal ponto que até mesmo os jornalistas nada mais tinham a dizer, exceto que muito já havia sido dito." - página 14


Gostei muito de Cormoran Strike. Galbraith deu um show na hora de construir o personagem. Strike é bem... real. Real é uma palavra que descreve muito bem o personagem. Cormoran é um homem que devido a guerra, tem cicatrizes tanto físicas (sua perna amputada) quanto psicológicas. Há ainda os problemas amorosos (no início do livro ele está passando por um termino no casamento) e financeiros. Tudo isso acaba fazendo com que Strike se torne uma pessoa real. Uma pessoa que tem medos, problemas, e passa por dificuldades. Assim como qualquer um de nós.

Cormoran também é um excelente detetive. Ele é muito inteligente e sabe como ninguém driblar das mentiras que as pessoas acabam contando para ele. Gostei muito da linha de raciocínio do personagem. É impossível não ficar impressionado com o personagem quando ele nos conta, no final do livro, toda a sua teoria a respeito do crime ocorrido no início do livro. Strike é O cara e é por isso que quero ler todos os livros que ele protagonize.

"Exausto, dolorido e com fome, Strike baixou a cara na mesa de novo, cobrindo olhos e ouvidos nos braços que a cingiam, para não ter de escutar enquanto sua humilhação era desnudada na sala ao lado por uma estranha." - página 26

Em contrapartida a Cormoran, temos Robin Ellacott, que acabou se tornando a minha personagem preferida da obra. Robin é curiosa, bonita e inteligente. A parceira ideal para o nosso detetive. Além de ser tudo isso, a personagem ainda é bem engraçada e protagoniza as melhores cenas e os melhores diálogos de "O Chamado do Cuco".

Outra coisa que é digna de elogios é a relação da Robin com Strike. Essa foi sem dúvidas umas das melhores relações que eu já pude presenciar na literatura. Os dois, que a princípio não se bicam, começam a virar amigos e acabam se tornando A dupla. Não consigo ver esses dois separados. Eles se completam. São a dupla perfeita. A dupla dinâmica.

"Foi o primeiro sorriso que ele se atreveu a dar a ela. Devia ter ficado irritado consigo mesmo, e, ainda assim, Strike saiu para o frio início de tarde sem arrependimento algum, mas com um curioso otimismo renovado." - página 91

Depois de fazer meus elogios, chegou a hora de comentar a falha que já havia citado em alguns parágrafos anteriores. A conclusão do caso do assassinato de Lula Landry (também conhecido como Cuco) é a pior possível. Pelo menos para mim. Antes de mais nada, quero despreocupar vocês: Não há nenhuma ponta solta na história. Tudo é bem explicado, se encaixa e faz sentido. Mas o fato que me incomodou foi quem está por trás de tudo. O personagem escolhido por Galbraith não me agradou nem um pouco. Achei a escolha dele/dela (não vou deixar explícito se é um assassino ou assassina! haha) muito óbvia. Para vocês terem uma ideia, logo no comecinho do livro eu já havia dito “Ah, foi fulaninho que matou a Lula”, só que, por achar tão óbvio, logo descartei essa ideia e fui criando mil e uma outras teorias a respeito do assassino de Cuco. Aí quem foi o assassino que Robert escolheu para ser o assassino de Lula? Isso mesmo, Fulaninho. Que eu já desconfiava desde o início do livro!

Odiei isso. Uma das coisas que mais gosto nos romances policiais é ser surpreendido. Adoro quando o autor vem com um final que me deixa boquiaberto e isso infelizmente não aconteceu neste livro...

Mas foi só isso que me incomodou no livro. Juro. Tirando esse pequeno probleminha, “O Chamado do Cuco” é incrível!


Como falei antes, o saldo final do livro foi bem positivo. Robert Galbraith me convenceu e conseguiu me deixar extremamente ansioso para acompanhar os próximos livros protagonizados por Cormoran Strike. Já estou contando os dias para ler "O Bicho-da-Seda"!

"As pessoas gostavam de falar, havia muito poucas exceções; a questão era como conseguir que falassem. Algumas eram influenciadas pelo álcool; outras gostavam de refletores; e havia também aquelas que meramente precisavam da proximidade de outro ser humano consciente. Uma subdivisão da humanidade fica loquaz apenas com seu tema preferido: pode ser sua própria inocência ou a culpa de outro; pode ser sua coleção de latas de biscoito pré-guerra; ou, no caso de Ursula May, a paixão impossível de uma simples secretária." - páginas 157 e 158

Nota: 4 de 5 estrelas

Outros quotes:

"Ao brilho de néon do poste da rua, Strike desfez as tiras da perna protética, soltando-a do coto dolorido, removendo o forro de gel que tinha se tornado um amortecedor inadequado contra a dor. Deitou a perna postiça ao lado do celular que recarregava, manobrou para seu saco de dormir e se deitou com as mãos na nuca, olhando o teto. Agora, como ele temia, a pesada fadiga do corpo não era suficiente para aquietar sua mente acesa. A velha infecção estava ativa de novo; atormentando-o, arrastando-o com ela." - página 60

"Mas as mentiras que ela contava se entremeavam no tecido de seu ser, de sua vida; e assim, viver com ela e amá-la, aos poucos, era ser enredado nelas, brigar com ela pela verdade, lutar para manter um pé na realidade. Como pode ter acontecido que ele, que desde sua juventude mais extrema sentia a necessidade de investigar, ter certeza, arrancar a verdade dos menores enigmas, como é possível que tenha se apaixonado tanto e por tanto tempo por uma mulher que contava mentiras com a facilidade com que outras respiravam?"  - página 61


48 Comentários

  1. Oi Tony como vai?
    Já ouvi falar do livro ele é muito bom, na realidade minha prima já leu mais ela n me empresta pq é sagrado pra ela kk, ótima resenha e a capa do livro é perfeita ;)

    Abraços!!!

    www.pedrosanttos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pedro! Vou bem e você? Hahaha espero que a sua prima resolva te emprestar O Chamado do Cuco! rs

      Excluir
  2. Great post dear. I hope you visit my blog also. I wish you happy rest of the week and the weekend. Keep in touch pls. Kiss

    http://mylovelyfashionbih.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hi, how are you? I'm glad you've weathered the post! I also wish you a great weekend! :)

      Excluir
  3. Adorei a resenha, Tony. Quando sei desde o início que é o assassino, quando chega na revelação me sinto a fodona, é tipo TURN DOWN FOR WHAT, hahaha. Minha amiga está lendo este livro e está adorando, vou lê-lo também e espero gostar!
    Beijo,
    http://www.pactoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana! Fico feliz que você tenha curtido a resenha! Hahaha eu não gosto não, acabo me frustrando um pouco com o livro, sabe? Também espero que você goste dele.

      Excluir
  4. Eu nunca li nenhum livro da JK. Harry Potter eu apenas vi os filmes. Mas ouço falar que ela escreve bem. Gostei do enredo de O Chamado do Cuco. Sempre escutei falar neste livro e vejo nas livrarias, mesmo assim nunca havia lido a sinopse ou algo dele. Gosto de suas resenhas pq VC tem a mania de fazer com q eu me interesse -de verdade - por gêneros q eu não gosto. Obrigado pelo empurrão na vontade de ler.

    Abraço.
    Diego, Blog Vida & Letras
    http://blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diego! Fico feliz em saber que você acha isso das minhas resenhas. Espero que você leia e goste de O Chamado do Cuco! :)

      Excluir
  5. Heey!
    Aah como eu amo esse livro!! Na verdade eu gosto de tudo que a J.K. escreve haha, compro de olhos fechados ♥♥
    Eu concordo com você em todos os aspectos, exceto pelo fato de você achar o final nada surpreendente. Eu fiquei tipo: WTF?? NÃO CREIO! OMG OMG OMG!
    Mas acho que é porque eu procuro soluções mirabolantes para os casos heuheu
    Adorei sua resenha!
    Abraços =))
    Blog - Desbravando o Infinito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Guilherme! A J.K. Rowling manda muito bem, né? Sério que você achou isso do final? Eu achei ele bem óbvio... Mas tirando isso, é um ótimo livro! :) Fico feliz que você tenha curtido a resenha!

      Excluir
  6. :d
    Oi Tony!!
    POR SUA causa a minha lista de livros para ler só esta aumentando!!!
    POR FAVOR pare de fazer resenha tão boas!!!
    Rsrsrsrsrs

    Parabéns vc escreve muito bem. Ainda não deu para ler, mas com toda certeza vou ler.

    http://viciadasemlivros911.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha obrigado, fico feliz em saber que você acha isso das minhas resenhas! :)

      Excluir
  7. Oi Tooooony, tudo bom?
    Dei uma passadinha aqui no blog para conferir o post mais recente e não resisti... Fui na resenha de Impermeável conferir todos os comentários *---------* Estou aqui dando pulinhos de alegria, rs!!!
    Mas ok, falando da obra... Eu tenho esse livro na estante há séculos, mas nunca o peguei para ler. Talvez porque já tenha lido vááárias resenhas que, assim como a sua, dizem que o final é previsível. Num romance não ligo de ler um final previsível. Na maioria das vezes sei quem vai ficar com quem, e por mim tudo bem. Gosto de ler o desenrolar do casal e tudo mais... Mas quando estou lendo um suspense, não suporto que ele seja previsível.. Parece que perde todo o encanto e propósito da obra :/


    Beijo grande e boa quarta ♥

    >Thati Machado;
    http://nemteconto.org

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Thati! Tudo ótimo e contigo? A resenha está lotada de comentários bem fofos e positivos, né? :)
      Isso foi algo complicado. Também não gosto de finais previsíveis em livros policiais, quebra um pouco o encanto da obra... Mas enfim, tirando isso, o livro é muito bom! :D

      Excluir
  8. Todos falaram muito bem desse livro, ele já está em minha lista. Os quotes são maravilhosos <3

    Beijos,
    http://o-hyeah.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rachel! O livro é muito bom mesmo, espero que você possa lê-lo em breve! :)

      Excluir
  9. Oi Tony,
    Apesar de adorar romances policiais e você ter falado super bem do livro, acho que um livro do gênero onde o leitor suspeite do verdadeiro culpado é decepcionante (e não tenho a mínima vontade de ler qualquer coisa dessa mulher, sei lá... aclamada demais pro meu gosto).
    Enfim, deixo Rowling para seus fãs e fico com meus SKs, HCs, SSs e CRZs
    Grande abraço!!!

    Leitor Antissocial (Adivinha quem está completando dois aninhos hoje!)

    PS: Adorei o fato de você ter respeitado a opção da autora de usar outro nome e não ficou falando Rowling no lugar de Galbreith (ou algo assim)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rudi! Pois é, cara! Isso é de fato muito decepcionante... Mas tirando esse detalhe, o livro é muito bom! Haha mas ok, te entendo. Eu também tinha uma relação assim com a Rowling...
      Sim, ela aqui é ele! haha Se ela optou por escrever esse livro usando o pseudônimo de Robert Galbraith, respeito a decisão dela! :)

      Excluir
  10. Oi Tony!
    Tenho me aventurado em livros policiais nesses últimos meses e estou gostante bastante! Esse livro já tinha chamado minha atenção, mas confesso que não o deixei de lado, principalmente pela decepção com Morte Súbita. Fiquei com medo de estragar a imagem que eu tenho da autora com HP, mas depois da sua resenha fiquei curiosa em ler. Só espero não desvendar o mistério tão rápido quanto você rs.
    Um abraço!

    versosenotas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bárbara! Você se decepcionou com Morte Súbita? :O Eu amei aquele livro. Sério. Espero que você leia e goste de O Chamado do Cuco! E também espero que você não desvende o mistério tão rápido! rs

      Excluir
  11. Respostas
    1. Oi, Bela! O enredo é bem bacana, né? :)

      Excluir
  12. Não sei porque nunca me interessei por este livro, adoro a escrita da J.K Rowling, amo HP mas este livro aí nunca me conquistou ao ponto de querer traze-lo pra casa!
    Adorei tua resenha e confesso que fiquei curiosa sobre o final! hehehe
    beijinhos
    www.wonderbooksdaalice.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alice! Nossa, sério que você nunca se interessou pelo livro? :O A premissa dele é muito boa e ele é ótimo, só peca um pouco no final.

      Excluir
  13. Depois de Harry sinto que não posso deixar a imagem dela se macular na minha mente, eu simplesmente não consigo ler outro livro dela, apesar de querer muito. A resenha foi ótima, acho que vou começar por aquele da capa amarela que não lembro o nome agora. Ha ha.

    devoradores2livros.blogspot.com.br

    Um xero.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Moises! Morte Súbita, né? Esse também é ótimo! <3

      Excluir
  14. Caramba então deve ser bom mesmo. Mas acho que se ler e "perceber" quem é o assassino, eu não vou me importar tanto. Vou me achar até muito esperta kkkkkkk então, acho que não vou ter nenhum probleminha lendo esse livro, que por sinal me intrigou. Ainda não tinha ouvido falar desse pseudônimo da JK, mas achei bem interessante e vamos ver se o Robert me conquista ha, ha.

    Inquietudes Secretas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Liih! Haha verdade. Acho que você vai gostar do livro então... Espero que você possa lê-lo em breve! :)

      Excluir
  15. Oii!

    Acredita que não me chama nenhum pouco a atenção os livros dessa autora. Tudo bem, adorei assistir (não ler) ao Harry Potter, mas não consigo ler nada dela, não bem o porquê hehe. Gosto de histórias policiais, com assassinatos e tal, mas deve ser tudo bem construído, e eu percebi que nesse livro não é nada assim. Vou ficar pelos livros do Harlan Coben porque ele entende do assunto hehe.

    beijos

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br
    @rs_juliete

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Juliete! Sério? :O É, mais ou menos. O livro é extremamente bem construído, mas não me agradou no final, sabe?

      Excluir
  16. Oi, Tony!
    Faz um tempo que esse livro está na minha lista, e sua resenha me fez lembrar da vontade que tenho de lê-lo. Parece ser ótimo!
    Espero gostar.

    Até mais,
    http://entreserieselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Plínio! Espero que você possa ler O Chamado do Cuco em breve! :) Também espero que você goste dele.

      Excluir
  17. Oieee
    Nunca li esse livro, quero ler, apesar de também ficar irritada com livros com finais meia boca ;p
    Beijinhos Screepeer
    screepeer.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ágatha! Tirando o final, o livro é ótimo! Vale a pena lê-lo! :)

      Excluir
  18. Oi, tudo joia?
    Faz um bom tempo que estou namorando esse livro, estou com muuuuita vontade de ler ele, sempre vejo críticas super positivas dele. Sem contar que é o tipo de gênero, enredo que amo <3

    Beijos
    http://intoxicadosporlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Joice! Tudo sim e contigo? O livro é muito bom, espero que você possa lê-lo em breve! :)

      Excluir
  19. *o* Que curioso o enredo dele. Amei a resenha, parecer ser realmente gostoso a leitura.
    hah Beijão
    Jardim de primavera

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lara! Pois é, o enredo do livro é bem curioso mesmo. Fico feliz que você tenha curtido a resenha! :)

      Excluir
  20. Senti exatamente a mesma coisa lendo esse livro: um excelente livro com um final um pouco desleixado.
    Ótima resenha!
    Abraço!
    SUA ESTANTE
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tati! Fico feliz em saber que eu não fui o único a achar isso. Obrigado! :)

      Excluir
  21. Oi Tony!

    Você me deu um banho de água fria! SÉRIO QUE FOI O FINAL FOI ASSIM? OBVIO?
    Tô no chão, sério. Como você eu também gosto de ser surpreendida, principalmente com o final do livro. Eu quero muito ler esse livro e espero que os próximos não sejam com um final assim. É por essas e outras que eu sou fã da escrita do James Patterson. São capítulos curtos, uma narrativa frenética e de repente... PÁ... o final explosivo.
    Adorei sua resenha!

    Beijos!

    Cintia
    http://www.theniceage.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cintia! Essa infelizmente é a verdade... :/ O livro tem um final um tanto óbvio e frustrante. Mas quem sabe você não discorda de mim? Dê uma chance ao livro e tire suas próprias conclusões... Fico feliz que você tenha curtido a resenha! :)

      Excluir
  22. Oi Tony!
    Quero muito ler esse livro, gosto do genero e o fato de ser da J.K me faz querer mais haha. Gostei da resenha, espero gostar do livro.
    Abraço!
    Leitura Fora De Série

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Guilherme! Fico feliz que você tenha gostado da resenha. O livro é muito bom, espero que você possa lê-lo em breve! :)

      Excluir
  23. Olá, Tony.
    Eu li esse livro com o nariz torcido o tempo todo, então não sei se foi por isso que não apreciei a leitura. Eu tinha lido varias resenhas comparando ele aos livros da Agatha e isso doeu hehe. Mas concordo com você quanto ao final.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil! Haha sei como é isso! rs Fico feliz que você tenha concordado comigo! :)

      Excluir
  24. Oiiii Tony!
    Como sempre você arrasou na resenha, mas essas quotes que você 'separou' são as mais divinas que já li aqui! Se antes eu queria ler o livro, depois das quotes eu p-r-e-c-i-s-o ler! *O*
    Parabééns!
    Ahhhh a tag em que vc me marcou, amanhã sai o post com as respostas e eu te marquei na tag Liebster Awards, espero que goste das perguntas que fiz lá, aguardando ansiosa pelas suas repostas hehe
    Bjoos

    www.soujovemliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Eloísa! Ah fico feliz que você tenha curtido a resenha e a minha seleção de quotes! *-*
      Opa, bacana! Amanha eu vou lá conferir as suas respostas, tá?
      Ahh muito obrigado pela indicação, eu já respondi essa tag aqui duas vezes, mas posso responder lá nos comentários do teu blog, tá? :)

      Excluir