Título: Will & Will - Um nome, um destino
Título Original: Will Grayson, Will Grayson
Autores: John Green e David Levithan
Ano: 2014
Páginas: 352
Editora: Galera Record
Sinopse: Em uma noite fria, numa improvável esquina de Chicago, Will Grayson encontra... Will Grayson. Os dois adolescentes dividem o mesmo nome. E, aparentemente, apenas isso os une. Mas mesmo circulando em ambientes completamente diferentes, os dois estão prestes a embarcar em um aventura de épicas proporções. O mais fabuloso musical a jamais ser apresentado nos palcos politicamente corretos do ensino médio.

Eu não esperava ler “Will & Will” tão cedo. Foi um livro que eu meio que comprei “só por comprar”, sabe? Mas quando a Ana Clara, do Roendo Livros, me chamou para participar do projeto “Tá na estante, não leu? Seu amigo escolheu!” e me indicou o livro, eu tive que lê-lo.


São nessas leituras despretensiosas que a gente às vezes acaba encontrando ótimos livros e foi isso que aconteceu comigo. Mesmo a obra tendo algumas falhas, eu não consegui dar a ela uma nota que não fosse cinco estrelas.

“Will e Will” é uma obra encantadora e extremamente gostosa de ler. Eu li o livro num ritmo muito rápido, o que é meio raro de acontecer comigo. Acho que isso aconteceu devido às escritas dos autores. A do John eu já conhecia e estava familiarizado então sempre que aparecia algum capítulo escrito pelo autor eu o lia num piscar de olhos. A do David eu ainda não conhecia, mas consegui me acostumar com ela rápido, e de repente eu já estava a adorando também.

Os personagens do livro são cativantes, mas demoraram para me conquistar. Tirando o Will do John Green (Eu tenho uma teoria de que o John escreveu todos os capítulos narrados pelo Will-heterossexual e o David escreveu todos os capítulos narrados pelo Will-homossexual), que me conquistou logo de cara, demorei uma quantia considerável de tempo para me afeiçoar aos outros personagens do livro.

"(...) não, sua vida é essa mesma. e, sim, ela é uma merda. a vida costuma ser assim. portanto, se quer que as coisas mudem, não precisa trocar de vida. você precisa tirar a bunda da cadeira." - página 81

Os protagonistas dos livros são bem distintos. O primeiro Will Grayson é hétero, vive em um ambiente familiar amoroso e não enfrenta tantos problemas. Sua vida é tranquila. Já o outro Will Grayson é gay, vive uma relação conturbada com a mãe e enfrenta sérios problemas mentais.

E com personagens tão diferentes fica meio difícil de imaginar que eles possam ter alguma amizade, né? Mas não, os autores bolaram uma situação inusitada envolvendo uma sex shop para unir os personagens e conseguiram deixar os dois próximos. Mas a relação dos dois meio que acaba aí. Depois disso só há mais uma ou duas interações dos dois e pronto. Isso me frustrou um pouco, pois esperava que os autores focassem mais na relação dos dois.

Contudo, os autores conseguem suprir a falta de momentos Will+Will, com um bom desenvolvimento individual de cada personagem e de suas tramas.

"quando as coisas se quebram, não é o ato de quebrar em si que impede que elas se refaçam. é porque um pedacinho se perde - as duas bordas que restam não se encaixam, mesmo que queiram. a forma inteira mudou." - página 201

O Will de Green, como disse anteriormente, me cativou logo de cara. Me identifiquei com o personagem e consegui torcer por ele a todo o momento. Já o Will de Levithan, no começo do livro pelo menos, é bem intragável. Revoltadinho demais para o meu gosto e age muitas vezes como um babaca. Felizmente do meio para o final, Levithan consegue mostrar para o leitor os motivos que fazem o personagem agir de tal forma e fazer com que ele se torne um personagem bem bacana.

E o que falar de Tiny Cooper? Ele é o principal antagonista da história e consegue roubar a cena sempre que aparece. Entretanto, em alguns momentos, consegue ser um completo babaca e perder vários pontos comigo. Porém, novamente, os autores conseguem expor os motivos que levam Tiny a  agir de tal forma e fazem com que gostamos ainda mais dele.

"(...) há uma conexão entre nós, entre mim e ele.
a verdade, porém?

todo mundo tem uma. 
essa é nossa maldição e nossa bênção. essa é nossa tentativa e nosso erro e nossa coisa certa." - páginas 347 e 348

Perceberam que o livro tem várias falhas? Mas perceberam também que os autores estão sempre trabalhando essas falhas e fazendo com que elas desapareçam?

E foi por isso que eu dei cinco estrelas para “Will & Will”. Mesmo o livro tendo várias falhas que acabaram me incomodando, os autores sempre davam um jeito de fazer com que eu ignorasse tais falhas e acabasse esquecendo delas.

Por toda essa superação constante, final emocionante e vários momentos marcantes, “Will & Will” merece ficar com cinco estrelas. E com muitos elogios, porque cara, o livro poderia ter sido um fiasco! Mas não foi... E é por isso que eu tiro o meu chapéu para John Green e David Levithan!


Nota: 5 de 5 estrelas

PS: Estou sem internet. Só consigo postar alguma coisa aqui no blog e/ou responder/retribuir alguns comentários quando uso a internet de outras pessoas (agora, por exemplo, estou usando a internet do meu primo). Enquanto não resolver esse problema, continuarei meio ausente na blogosfera! :'( 

34 Comentários

  1. Oi Tony!

    Sabiaaaaaque você ia gostar desse livro, hahahaha. Ele é muito divertido. E você acertou: John narra as partes do Will hétero e o David as partes do Will gay. E eu adoro os dois! Mas Tiny roubou a cena no livro, na minha opinião. Que cara de bem com a vida, adorei. Fiquei muito feliz por você ter dado 5 estrelas para ele e ter lido rápido, significa que gostou mesmo!

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana! Hahaha pois é, você acertou! Obrigado pela indicação! <3 Ah, bem que eu desconfiava! Sim, o Tiny (mesmo me irritando em alguns momentos) é demais! Roubou a cena mesmo! :D Sim, eu gostei muito do livro! :)

      Excluir
  2. Oi Tony!

    Adorei sua resenha, ainda não li nada do David e tenho bastante vontade de ler esse livro. Mas sempre ou deixando pra depois... Espero conseguir ler em breve!

    Beijos!

    Cintia
    http://www.theniceage.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cintia! Espero que você consiga ler o livro mesmo em breve! Ele é ótimo! :)

      Excluir
  3. Acredita que acabei me interessando pelo livro só de ler sua resenha? Eu vejo a capa dele e não me sinto atraída sabe? Mas adorei saber que gostou, estou pensando ainda se compro, mas bem provável que sim. hahaa Obrigada pela resenha!

    www.nahboa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nathália! Nossa, sério? Fico feliz que tenha acontecido isso! :) Ah, de nada. Estou aqui para isso!

      Excluir
  4. A escrita do David Levithan é maravilhosa, se esta você achou boa, leia um livro único dele. Gente é a coisa mais linda do mundo. Já li Will e gostei muito também, principalmente dos personagens secundários.

    devoradores2livros.blogspot.com.br

    Um xero.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Moises! Tenho "Todo dia" aqui, o lerei em breve. Os personagens secundários de Will & Will são ótimos, né? :)

      Excluir
  5. Olá, Tony.
    Gosto de livros com personagens complexos como esses. Quando os autores os desenvolvem bem e conseguimos entender os seus anseios e dores, todo o livro se torna mais real. Pelo visto, os autores conseguiram fazer isso até com o antagonista, o que é ótimo.
    Certamente lerei a obra.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de setembro. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marcos! Sim, os autores mandaram muito bem nas construções dos personagens de "Will & Will"! Vale a pena ler a obra! :)

      Excluir
  6. Oi Tony!
    Sabe que penso da mesma forma? Já tive boas surpresas com livros que estavam parados na minha estante há um bom tempo e a surpresa de me encantar por eles é algo maravilhoso!
    Não sei o que esperar da leitura desse livro. Não sei como será a experiência de ler algo escrito por dois autores e tão famosos!! rs
    Sou fã do John e, por isso, espero ler um dia :)
    Parabéns pela leitura e resenha!!
    Abraços,

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bárbara! Ah que legal saber que você pensa da mesma forma que eu! :) Algo me diz que você vai curtir a obra! :) Obrigado.

      Excluir
  7. Eu li já li esse livro há algum tempinho, e também amei. Eu já li todos os livros do John Green publicados no Brasil, mas foi o primeiro livro que li do David Levithan. Concordo com as falhas do livro que você apresentou, mas não acho que elas atrapalhem a experiência da leitura. Parabéns pela resenha!

    http://olivroemquehabito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo bem? "Will & Will" é muito bom, né? E é isso mesmo, apesar das falhas terem me incomodado um pouco, não atrapalharam a minha experiência com o livro! :)

      Excluir
  8. Oi, Tony!
    Eu quero ler logo este livro. Tenho-o aqui na estante e adoro os dois escritores. Não sei bem o que esperar deste livro, até porque só opiniões positivas, mas com ressalvas importantes como as suas. Essas falhas, a meu ver, são as mais cativantes porque tornam as personagens mais palpáveis. Erramos constantemente. Acredito que o objetivo dos autores era justamente transmitir essa sensação de realidade. Não sei ao certo porque ainda não li, é só uma mera suposição.
    Espero gostar assim como você e não me decepcionar porque a premissa promete uma boa história, sem dúvida alguma.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Leandro! Essas falhas me incomodaram um pouco, mas são boas justamente por causa disso que você falou! :) Também espero que você goste de "Will & Will"!

      Excluir
  9. Oi Ton!
    Eu não tenho muita vontade de ler. Tipo não descarto, sabe, mas leria apenas em alguma oportunidade. Não é um livro que quero ler desesperadamente. Mas as pessoas sempre me indicam e tal... Fico meio assim ainda.
    Bela resenha. Boas leituras.
    Abraço.
    - Diego, Vida & Letras
    http://blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diego! Te entendo... Obrigado, fico feliz que você tenha achado isso da resenha! :)

      Excluir
  10. Oi Tony,tudo ótimo?
    Esse livro também comprei por comprar,fiquei dias olhando e pensando se iria ler ele no momento,até que esses dias eu resolvi começar essa leitura,ainda estou na metade,mas estou me surpreendendo muito,e com certeza Tiny tem seus momentos rsrs.
    Mas é uma boa leitura,tem falhas,mas nada que atrapalhe,espero que o final seja bom.
    Beijos
    http://nadadecontodefadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Erika! Tudo ótimo e contigo? Ah, que bom que você também esteja gostando de "Will & Will"! Tenho certeza que você vai adorar o final, ele é muito lindo! :)

      Excluir
  11. Heey, Tony!
    Eu já li esse livro e devo dizer que não gostei rsrs, achei muito parado e os protagonistas bem chatinhos e, haters gonna hate, não gostei do Tiny haha
    Mas que bom que você gostou da leitura ^^
    Abraços!!
    Blog - Desbravando o Infinito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Guilherme! Poxa, sério que você não curtiu muito o livro? :(

      Excluir
  12. Isso sempre acontece comigo, em leituras não pretensiosas que descobrimos vários tesouros. E quando esperamos muito por um livro, muita das vezes nos decepcionamos.
    Em relação a esse livro estou louco para lê-lo desde quando foi lançado!

    Abraços
    www.booksever.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Filipe! Isso constantemente acontece comigo! Espero que você leia e goste de "Will & Will"! :)

      Excluir
  13. Olá, Tony.
    Eu te entendo, está acontecendo comigo com o livro que você me indicou para ler. Eu não leria tão já, mas estou adorando. Quanto a resenha, está muito bem feita como sempre. mas pelo menos no momento não vou ler o livro. Diferente de você, eu não gosto do Green e apesar de amar o David, não tenho interesse na história.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil! Que legal que isso também está acontecendo contigo! :) Ah, que pena que você não tem muito interesse em ler o livro! :(

      Excluir
  14. Oi Tony!
    Eu li esse livro há alguns meses, e o personagem que eu mais gostei foi o Tiny Cooper haha
    Devo ter algum problema com o David Levithan porque não consigo gostar dos personagens dele rsrs o Will dele não conseguiu me agradar, assim como A de Todo Dia.
    Enfim... amei a resenha! rsrs
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol! O Tiny é muito divo e fabuloso, né? hahaha O Will do Levithan é bem chato no começo, mas depois fica legal! Fico feliz que você tenha curtido a resenha! :)

      Excluir
  15. Olá,
    Sou louca para ler esse livro! Mais sempre que tenho dinheiro acabo comprando outro :(
    Essa capa e muito linda *--*
    Parabéns, arrasou na resenha. Os quotes são perfeitos
    Beijos ♥

    Livros Para o Chá das Cinco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ketelyn! Espero que você consiga ler "Wil & Will" logo, o livro é ótimo! Obrigado! :)

      Excluir
  16. Oi, Tony! Concordo contigo. Em alguns momentos, principalmente nas primeiras 40 páginas, a história me deixou incomodada, até pensei que não iria gostar, mas depois tudo mudou e eu amei o livro. O Tiny é um personagem muito divertido hahahaha. O Will do John Green também me conquistou desde o começo. Beijos!

    http://frases-perdidas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gabi! Pois é, depois de um certo tempo o livro engrena e fica tudo perfeito! *-* Hahaha sim, o Tiny é muito divertido! E muito amor pelo Will do John Green! <3

      Excluir
  17. Esse livro é muito emocionante, surpreende e viciante!


    http://petalasdelicadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir