Título: A Legião Estrangeira
Autora: Clarice Lispector
Ano: 1999
Páginas: 110
Editora: Rocco
Sinopse: Os treze contos reunidos neste livro abordam o cotidiano familiar, a perversidade infantil e a solidão. As histórias colocam os leitores diante de situações cujo maior encanto é o de flagrar a intimidade dos personagens no momento em que eles descobrem o quanto há de extraordinário no dia-a-dia. É o que se pode observar, por exemplo, no encontro da menina e do cachorro em "Tentação"; ou no diálogo entre um casal de jovens em busca de si mesmos em "A Mensagem”. Outras histórias mostram como o próprio conto é construído, uma das obsessões da literatura clariceana.


"A Legião Estrangeira" é uma antologia de contos de Clarice Lispector. O livro marca o meu primeiro contato com a tão elogiada autora.


Resolvi falar um pouquinho sobre cada conto e depois dá as minhas considerações finais sobre a obra.

Os desastres de Sofia

O primeiro conto do livro é "Os desastres de Sofia", que narra a história de Sofia, uma garota que tem um estranho fascínio por seu professor.

Esse é um conto bem interessante. Gostei da forma como Clarice aborda a relação aluno-professor e a construção de Sofia é muito bem feita.

"(...) a prece profunda não é aquela que pede, a prece mais profunda é a que não pede mais"


A repartição dos pães

Esse conto aqui já é mais curto que o outro e não foca muito em seus personagens, mas sim em uma cena em especial. A cena do almoço onde surge o título do conto.

Me surpreendeu bastante a forma como Clarice escreve. Há muita poesia nos versos dela e a impressão que tenho é que tudo narrado por ela se torna mais interessante. A cena desse conto, por exemplo, é tão simples. Mas a autora dá um jeito de deixá-la mais interessante e bem bonita.

"Nós somos fortes e nós comemos. Pão é amor entre estranhos."

A mensagem

"A mensagem" é um dos meus contos preferidos do livro. A história de dois jovens que estão em busca de si mesmos me tocou de uma forma tão profunda, que ao chegar em seu final o que ficou em mim foi uma sensação de vazio.

Foi um conto bem tocante e que eu me identifique bastante.

"Que é, afinal, que eles queriam? Eles não sabiam, e usavam-se como quem se  agarra em rochas menores até poder sozinho galgar a maior, a difícil e a impossível; usavam-se para se exercitarem na iniciação; usavam-se impacientes, ensaiando um com o outro o modo de bater asas para que enfim — cada um sozinho e liberto — pudesse dar o grande voo solitário que também significaria o adeus um do outro."

Macacos

"Macacos" é extremamente curto, mas bonito. Nele, Clarice Lispector aborda o amor e a relação entre humanos e animais.

"Depois eu disse aos meninos: "Lisette está morrendo". Olhando-a, percebi então até que ponto de amor já tínhamos ido."  

O ovo e a galinha

"O ovo e a galinha" é um conto peculiar. De todas as histórias do livro, essa é a mais complexa. É necessário que o leitor tenha uma atenção maior na hora de ler o conto.

Mesmo tendo relido versos do conto diversas vezes, a impressão que tenho é que não consegui absorver nem metade das coisas que a autora quis me contar.

"De repente olho o ovo na cozinha e só vejo nele a comida. Não o reconheço, e meu coração bate. A metamorfose está se fazendo em mim: começo a não poder mais enxergar o ovo. Fora de cada ovo particular, fora de cada ovo que se come, o ovo não existe. Já não consigo mais crer num ovo. Estou cada vez mais sem força de acreditar, estou morrendo, adeus, olhei demais um ovo e ele foi me adormecendo." 

Tentação

Mais um conto curto, lindo e que fala sobre a relação dos humanos com os animais. A autora, pelo visto, gostava muito de abordar essa relação em suas histórias. E querem saber? Eu acho isso ótimo!

Se já é bom encontrar autores que abordem a relação entre humanos e animais em seus livros, imagine encontrar uma autora que faz isso com uma delicadeza sem tamanho e com muita poesia?

"(...) Ela ficou espantada, com o acontecimento nas mãos, numa mudez que nem pai nem mãe compreenderiam. Acompanhou-o com olhos pretos que mal acreditavam, debruçada sobre a bolsa e os joelhos, até vê-lo dobrar a outra esquina.
Mas ele foi mais forte que ela. Nem uma só vez olhou para trás." 


Viagem a Petrópolis

"Viagem a Petrópolis" está duelando com "A mensagem" o posto de meu conto favorito. Igualmente como em "A mensagem", nesse conto (ao terminar de lê-lo) eu fiquei com aquela sensação de vazio.

O conto é pungente e trágico e tem um final surpreendente. Me sensibilizei demais com o drama de Mocinha e fiquei sem chão ao terminar de acompanhar sua jornada nesta história. 

"Uma pequena luz iluminou Mocinha: domingo? que fazia naquela casa em vésperas de domingo? Nunca saberia dizer. Mas bem que gostaria de tomar conta daquele menino. Sempre gostara de criança loura: todo menino louro se parecia com o Menino Jesus. O que fazia naquela casa? Mandavam-na à toa de um lado para outro, mas ela contaria tudo, iam ver. Sorriu encabulada: não contaria era nada, pois o que queria mesmo era café." 

A solução

"A solução" é um conto bem curto. Mas não se enganem: o que ele tem de curto, ele tem de chocante.

A amizade tóxica de Almira e Alice é retratada de uma forma afiada e com muita destreza e profundidade em apenas 3 páginas.

"Só a natureza de Almira era delicada. Com todo aquele corpanzil, podia perder uma noite de sono por ter dito uma palavra menos bem dita. E um pedaço de chocolate podia de repente ficar-lhe amargo na boca ao pensamento de que fora injusta. O que nunca lhe faltava era chocolate na bolsa, e sustos pelo que pudesse ter feito. Não por bondade. Eram talvez nervos frouxos num corpo frouxo." 

Evolução de uma miopia

"Evolução de uma miopia" é um dos contos mais lindos do livro. Nele, Lispector usa e abusa das metáforas e nos apresenta a evolução de um personagem extremamente cativante.

Acompanhar de perto a história do garoto (que não tem nome) e a descoberta que ele faz no final do conto foi bem emocionante.

"E foi como se a miopia passasse e ele visse claramente o mundo. O relance mais profundo e simples que teve da espécie de universo em que vivia e onde viveria. Não um relance de pensamento. Foi apenas como se ele tivesse tirado os óculos, e a miopia mesmo é que o fizesse enxergar. Talvez tenha sido a partir de então que pegou um hábito para o resto da vida: cada vez que a confusão aumentava e ele enxergava pouco, tirava os óculos sob o pretexto de limpá-los e, sem óculos, fitava o interlocutor com uma fixidez reverberada de cego. "

A quinta história

Esse conto é genial, simples assim. Nele, uma mulher nos conta como uma só história pode se tornar várias outras.

"A quinta história" é despretensioso, divertido e fascinante.

"A quinta história chama-se "Leibnitz e a Transcendência do Amor na Polinésia". Começa assim: queixei-me de baratas."

Uma amizade sincera

Mais um conto de partir o coração. Em "Uma amizade sincera", Clarice Lispector nos conta a história de dois rapazes que queriam o tempo todo construirem uma amizade sincera. E é nessa constante busca por algo a mais, que a relação dos dois vai se transformando de uma forma irreversível.

Estou fascinado com o modo como a autora aborda linda e tristemente a fragilidade das relações humanas. É com contos como esse que fica comprovado o talento incontestável de Clarice.

"Queríamos tanto salvar o outro. Amizade é matéria de salvação."

Os obedientes

"Os obedientes" é um bom conto, mas que não me tocou tanto quanto os outros já citados anteriormente...

"Não era uma vida de sonho, pois este jamais os orientara. Mas de irrealidade. Embora houvesse momentos em que de repente, por um motivo ou por outro, eles afundassem na realidade. E então lhes parecia ter tocado num fundo de onde ninguém pode passar." 

A Legião Estrangeira

"A Legião Estrangeira" encerra o livro de mesmo nome com chave de ouro. É um conto interessantíssimo que eu devorei rapidamente.

A história tem uma trama instigante, reflexiva e com excelentes personagens.

"(...) Ela se agarrava em si, não querendo. Mas eu esperava. Eu sabia que nós somos aquilo que tem de acontecer. Eu só podia servir-lhe a ela de silêncio. E, deslumbrada de desentendimento, ouvia bater dentro de mim um coração que não era o meu. Diante de meus olhos fascinados, ali diante de mim, como um ectoplasma, ela estava se transformando em criança."

Depois de tantos elogios, já deu para perceber que eu amei o livro e super o recomendo, né? Pois bem, se você gosta de histórias com uma pegada mais intimista e recheadas de personagens extremamente bem construídos, "A Legião Estrangeira" será uma excelente pedida.

Em poucas páginas, Clarice Lispector irá fazer com que você pense duas vezes antes de dizer coisas como: "livros clássicos são chatos" ou "a literatura brasileira é entediante".

Nota: 5 de 5 estrelas

60 Comentários

  1. Clarice é Clarice, né? *_*

    Beijos,
    http://postandotrechos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Heey!
    Nunca li nada da Clarice, mas tenho muita vontade de conhecer seus livros. Acho que vou começar por Legião Estrangeira rsrs.
    Creio que o conto que mais vou gostar será "Evolução de uma miopia" =)
    Abraços!!
    Blog - Desbravando o Infinito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Guilherme! Comece com ele mesmo. Será uma ótima experiência, tenho certeza que você vai amar o livro! :) Ahhh esse conto é muito lindo! <3

      Excluir
  3. Deve ser muito bom, todos elogiem a Clarice. A história, que descobri na sua maravilhosa resenha, parece bem envolvente, ao menos para mim. Gostei muito, beijos!

    http://o-hyeah.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Maya! Todas as histórias do livro são muito boas. Vale a pena ler "A Legião Estrangeira"! :)

      Excluir
  4. Clarice, Clarice. É impossível não falar dela. Me admiro por eu ainda não ter lido nenhum livro dela. Qual me indica para começar a ler as obras dela?

    Blog Decidindo-se \o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vinicius! Bom, essa foi a minha primeira experiência com a autora. Como ela foi bem agradável, recomendo que você comece por esse livro também! :)

      Excluir
  5. Oiii!

    Eu ainda não li nada da autora, mas porque sempre tive aquela visão de que classicos são chatos, mas como você mesmo falou, acho que essa é uma boa forma de perder esse receio de leitura. Acho que contos são sempre ótimos para conhecer a escrita e depois tentar algo maior. Pelo numero de páginas não parecia ter tantos contos assim.
    A capa está super delicada. Dica anotada :D

    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana! É de fato uma boa forma de perder esse receio. Tenho certeza que, se você ler, você vai amar o livro! :) A maioria dos contos são curtos, sabe? Por isso o número baixo de páginas... Anote mesmo! E leia quando der! :D

      Excluir
  6. Oi ...
    Adoro a escrita de Clarice !!!
    Ainda não li esse , mas , quero ler em breve ... O meu preferido dela é "A hora da estrela "
    Beijos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diane! A escrita da Clarice é excelente, né? Tenho bastante vontade de ler "A Hora da Estrela"! :)

      Excluir
  7. Olá, Tony.
    Essa capa é linda demais. Mas só vou ficar admirando ela de longe hehe. Mesmo você elogiando a obra, eu não me interessei em ler ela. Não gosto muito de livros de contos, prefiro histórias grandes hehe. Acho que ainda não é dessa vez que irei conhecer a escrita da autora.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil! Ela é muito linda, né? Haha sério que você não curte muito contos? Eu amo contos! hahaha

      Excluir
  8. Hum...o livro parece ser bem interessante. Gosto muito das obras da Clarice, já li uns 4 livros dela. Com certeza vou ler Legião Estrangeira.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paloma! O livro é muito interessante mesmo. Leia ele mesmo, acho que você vai gostar da obra! :)

      Excluir
  9. Oi Tony !! Realmente gosto dos livros da Clarice Lispector e este parece bem interessante, com certeza me deu vontade de ler !!
    Bjim

    blogpatyrezende.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paty! Leia mesmo, o livro é ótimo! :)

      Excluir
  10. Meu professor de filosofia da linguagem sempre que tem oportunidade diz pra gente: toda mulher pra aprender ser mulher direito tem que ler clarisse lispector
    então eu fui atrás de saber por que e estou lendo os livros dela
    acho que hoje termino de ler a via crucis do corpo e confesso que achei super legal a forma como ela escreve
    tem contos que fiquei meio perdida mas outros que adorei
    provavelmente qualquer hora lerei este também
    li seus comentários sobre os contos e perebi que vc gostou muito e eu espero gostar também :)

    www.meumuraldeideias.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marcelle! Que legal isso que o seu professor diz! Que bom que você está adorando os contos do livro. Tem alguns que se a gente não estiver concentrado, dá para ficar perdido mesmo.
      Leia mesmo! :)

      Excluir
  11. Olá, Tony!
    Clarice é incrível demais mesmo. MEUDEUSS!! Amei demais esse primeiro quote, e foi até o que eu precisava ler nesse momento, acredita? Um contexto completamente diferente do conto, mas ainda assim se encaixou.
    Amei!
    Beijos
    http://masenstale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Anni! Tudo bem? Esse quote é ótimo, né? Também amo ele! Fico feliz em saber que ele foi a coisa que você precisava ouvir no momento! :)

      Excluir
  12. Oi, tudo bom?
    Não vou dizer que literatura brasileira é ruim (até porque adoro vários autores brasileiros e acredito que são pouco valorizados), porém não suporto contos. Desde pequena nunca curti contos/poemas/poesia e etc.
    Quem sabe um dia eu consiga tirar isso da cabeça e ler livros nesse estilo.
    Beijos, lendocomabianca.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bianca! Tudo ótimo e contigo? Nossa, sério que você não curte contos? Eu amo ler contos! rs

      Excluir
  13. Oi, Lucas! Tudo numa nice?!
    Eu nunca li nada da Clarice. Tinha sido obrigada pela faculdade para ler A Hora da Estrela; eu já sabia o que acontecia porque meu professor de literatura contou, mas ia ler. No entanto mudei de faculdade e vi que não seria mais necessário ler a obra e deixei de lado.
    Acho que leria o conto A Mensagem. Desses que tu citou foi o que me chamou mais atenção por causa do quote profundo.
    Gosto se livros intimistas também!! :)
    Beijin...
    http://piecesofalanagabriela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alana! Tudo sim e por aí? A Mensagem é um dos meus contos favoritos. Nele tem várias outras citações profundas como essa! :)

      Excluir
  14. Oi Tony,
    Acredita que nunca li nada da Clarice? Obvio que morro de culpa por causa disso rsrs
    Mas ela está na minha lista de leituras obrigatórias há anos, mas acabo protelando.
    Embora vc tenha gostado do livro, não pretendo ter meu contanto inicial com a obra da autora por esse livro, visto que geralmente não curto ler contos.
    Abraço,
    Alê
    www.alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alexandre! Nossa, nunca? Precisamos mudar isso, hein? rsrs Sério que você não curte contos? Mas enfim, mesmo que você não curta, ela tem vários outros livros (incluindo muitos romances, antologias de crônicas e etc.)! :)

      Excluir
  15. Oi, Tony ony! Tudo bem contigo, moço?

    Gente, que resenha divina! Vi nas tuas redes sociais o link da postagem e tinha que passar aqui para conferir. Acredita que até hoje não li nada da autora? Creio, no entanto, que farei como você: quem sabe não adquira um exemplar desse livro para começar a minha jornada claricelispectorana?

    Um beijo,
    Doce Sabor dos Livros docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jeni! Tudo sim e contigo?
      Haha obrigado, fico feliz que você tenha achado isso da resenha! :) Faça isso mesmo, acho que você vai amar "A Legião Estrangeira"! :D

      Excluir
  16. Oi Tony!
    Sempre tive vontade de ler Clarice tbm, mas quero começar por A hora da estrela, rs. A escrita da autora parece ser bem peculiar, e que bom q vc gostou de praticamente todos os contos!
    Ps: Te marquei numa tag!
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol! Ah, A Hora da Estrela parece ser ótimo. Morro de vontade de lê-lo! :)
      Oba, obrigado pela indicação! Vou lá dá uma olhadinha na tag! :D

      Excluir
  17. Oi Tony!
    Ainda não li nada da Clarisse mas quero ler logo, esse livro me chamou bastante atenção, espero gostar.
    Abraço!
    Leitura Fora De Série

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Guilherme! Espero que você consiga ler algo da Clarice em breve! :)

      Excluir
  18. Oláá Tony
    Então... Nunca tive curiosidade em ler algum livro da Clarice Linspector, mesmo eu amando muitas de suas citações (contraditório, eu sei ahsuahus), mas com a sua resenha esse livro foi para minha lista de leituras, pois amo ler contos e pelo que li na resenha esse livro promete ter uma leitura maravilhosa! ^^
    Bjoos

    Jovem Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Eloísa! Ah se você ama contos, é provável que vá amar "A Legião Estrangeira"! :)

      Excluir
  19. Olá, Tony! Tudo beleza?

    Cara, gostei do modo como você descreveu os contos. Muito bacana! :)
    dos contos, um em especial me chamou a atenção: "Uma amizade sincera" é muito bom!

    Tony, marquei você em uma TAG, veja aí:
    Irmãos Livreiros

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Daniel! Tudo beleza sim e contigo? Ahhh "Uma Amizade Sincera" é ótimo! Um dos contos que mais me tocou.

      Oba, obrigado pela indicação! :)

      Excluir
  20. Clarice é simplesmente fantástica! Amava quando minhas aulas de literatura eram sobre ela <3

    refugiorustico.com.br

    ResponderExcluir
  21. Olá Tony
    TUDO BEM?
    Ainda não tive a oportunidade de ler um livro da Autora mas confesso que de todos os contos gostei mais de "A mensagem" o livro apesar de ser de contos, parece muito Bem construindo, acho que não existi nada melhor do que quando Terminamos a Leitura Satisfeito com a construção da Historia e essencial que tudo termine Bem,Confesso que n]ao sou muito Fã de contos, mas existe aqueles que sempre nos conquistam pra Valer e acredito que este Livro me tocou desta Forma.Fico Feliz que você Tenha gostado do livro, acredito que as 5 estrelas são mais que Merecidos.
    Beijos
    http://resenhaatual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! ^^ Tudo bem sim e contigo? Ahhh "A Mensagem" é um conto incrível! <3<3<3 Também fico bem feliz por ter gostado tanto do livro! :)

      Excluir
  22. Olaaaaá, Tony! Tenho super vontade de ler Clarice Lispector, mas não tá dando. Só sei que de certeza próximo ano eu leio, por bem ou por mal (obrigado, professora!). Amei esses quites que você citou <3

    Abraços,
    Alfrêdo - www.paginou.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alfrêdo! Leia mesmo, cara! A escrita da Clarice é maravilhosa! <3

      Excluir
  23. Oi, Tony, tudo bom?

    Sabe que eu nunca li nada da Clarice? E o nome da minha mãe é Clarice. Mas o nome da minha mãe é Clarice por causa da minha bisavó, que também era Clarice. E o nome da minha bisavó não era Clarice por causa da Clarice Lispector, porque minha bisavó nasceu em 1900. Entendeu? hahahahaha
    Eu acho que já comentei aqui que não curto ler contos em coletâneas, né? Mas se fosse para escolher um para ler assim, só pelas quotes, eu escolheria "evolução de uma miopia". Achei a quote bonita.

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tamires! Tudo bem? Hahahaha entendi sim! E você nem foi batizada de Clarice também? Era pra ter sido! rsrs
      "Evolução de uma miopia" é muuuuuuuuuito bom! <3

      Excluir
  24. Hey lindão!
    Devo confessar que gostei muito da capa kkkkkkkkk,
    beijão!
    http://isabellalessa.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Isabella! A capa do livro é linda, né?

      Excluir
  25. Oi Tony,
    Eu tenho um livro da autora que comprei na época da faculdade, mas acabei nem lendo. =/
    Mas gostei desse, não sei porque to meio 'viciada' em ler contos...
    Desses fiquei curiosa com: 'Os Desastres de Sofia', 'A Mensagem' e todos os outros que citou que tem final chocante...e adorei ela abordar animais...quero!

    Os quotes estão maravilhosos. Ótima resenha.

    tenha uma ótima quarta =D
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nana! Ahhh eu também meio que sou viciado em ler contos! rs
      Esses dois contos são muito bons! Na verdade, todos são ótimos! :)
      Obrigado, fico feliz que você tenha achado isso da resenha!
      Uma ótima quarta para ti também! :D

      Excluir
  26. Oi Tony!

    Olha, tenho até que pedir desculpas para a sociedade, mas eu simplesmente DETESTO Clarice Lispector. Já tentei ler esse, já tentei ler um milhão de histórias dela, mas nada me agrada. Esse conto, o Ovo e a Galinha, deve ser um dos mais famosos dela... Tive que ler para uma aula de Literatura e foi o maior sacrilégio da minha vida. HAUEHAUEHAE

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana! Tudo bem? Nossa, fiquei chocado agora! hahahaha sério que você não gosta da Clarice? Poxa, que pena! :(

      Excluir
  27. Oi Tony, como vai?
    Clarice é mesmo fantástica não é. Acho sua escrita misteriosa. Como se o que ela escrevesse nunca fosse somente/apenas aquilo que está aparentemente visível, há algo mais por trás das letras dela que requer muita sensibilidade para serem sentidas (compreendidas). Ainda não li esse livro. Mas super recomento A Maça no Escuro, estou relendo ele e dispensa comentários.

    Abraços!

    http://joandersonoliveira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Joanderson! Vou bem e você? Sim, a Clarice é fantástica! <3 Olha, eu também tenho essa impressão a respeito dos textos dela! Ainda não conhecia esse, mas vou anotar aqui! :)

      Excluir
  28. A doçura com a qual a Clarice escreve é realmente admirável. Ainda não li esse livro, mas já li alguns contos da autora e tem bem o estilo que eu gosto.
    Quero muito ler também o famoso "A hora da estrela".

    Abraço, Ton.
    =)
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Di! Menino, eu também estou doido para ler "A Hora da Estrela"! :D

      Excluir
  29. Olá Tony!
    Clarice <3 Super amei a resenha e conhecer mais sobre esse livro de contos. Com certeza ele foi para minha wishlist! Adorei!
    Beijos, Nathália
    livrosdagarotavermelha.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nath! Fico feliz que você tenha curtido a resenha! :) Espero que você possa ler "A Legião Estrangeira" em breve! :D

      Excluir
  30. Opa, já entrou pra lista de livros que preciso ler. Há alguns meses eu li o Felicidade Clandestina que também é um livro de contos e eu gostei bastante, tomara que eu goste de Legião Estrangeira também. E pausa pra essa edição maravilinda da Rocco <3
    Beijitos!
    ahdindi.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mand! Ah, eu também tenho vontade de ler "Felicidade Clandestina"! O livro parece ser ótimo! :) Espero que você leia e também goste de "A Legião Estrangeira"! :D

      Excluir