Título: Anna Vestida de Sangue
Título Original: Anna Dressed in Blood
Autora: Kendare Blake
Ano: 2016
Páginas: 252
Editora: Verus
Sinopse: Cas Lowood herdou uma vocação incomum: ele caça e mata os mortos. Seu pai fazia o mesmo antes dele, até ser barbaramente assassinado por um dos fantasmas que perseguia. Agora, armado com o misterioso punhal de seu pai, Cas viaja pelo país com sua mãe bruxa e seu gato farejador de espíritos. Juntos eles vão atrás de lendas e folclores locais, tentando rastrear os sanguinários fantasmas e afastar distrações, como amigos e o futuro.
Quando eles chegam a uma nova cidade em busca do fantasma que os habitantes locais chamam de Anna Vestida de Sangue, Cas espera o de sempre: perseguir, caçar, matar. Mas o que ele encontra é uma garota envolta em maldições e fúria, um espírito fascinante, como ele nunca viu. Ela ainda usa o vestido com que estava no dia em que foi brutalmente assassinada, em 1958: branco, manchado de vermelho e pingando sangue. Desde então, Anna matou todas as pessoas que ousaram entrar na casa vitoriana que ela habita. Mas, por alguma razão, ela poupou a vida de Cas.
Agora ele precisa desvendar diversos mistérios, entre eles: Por que Anna é tão diferente de todos os outros fantasmas que Cas já perseguiu? E o que o faz arriscar a própria vida para tentar falar com ela novamente?


*Exemplar cedido pela editora

"Anna Vestida de Sangue" foi uma grata surpresa. Recebi (sem aviso prévio) o livro da Verus Editora e assim que coloquei meus olhos na capa do livro soube que queria ler ele o mais rápido possível. Tratei de deixar a leitura de "Dama da Meia-Noite" de lado e comecei a me aventurar na história de Cas e Anna.

 
Cas é o protagonista da obra e é ele quem nos conta a sua história. O garoto tem 17 anos e é descendente de uma antiga linhagem de caçadores de fantasmas. Desde que o pai dele foi morto por uma estranha criatura que ele treina para caçar fantasmas. Acabou se tornando um dos únicos e melhores caçadores que há na terra.

"Ela é a própria morte, pavorosa e absurda, e, mesmo quando está vestida de sangue e veias, não consigo parar de olhar para ela." - página 81

E é assim que a história do livro começa. Logo no primeiro capítulo vemos Cas à procura de um fantasma conhecido como o Caronista do Distrito 12. Após momentos de pura tensão e muito sangue, esse "episódio" se encerra e dar lugar a outro: a caçada do protagonista à um fantasma chamado de Anna Vestida de Sangue.

Anna foi morta em 1958, no dia em que ia à um baile. Ela teve sua garganta rasgada, mas ninguém deu muita atenção ao caso. O espírito da menina, entretanto, continuou habitando o mundo dos vivos. E com muita sede de sangue. Cas é enviado para Thunder Bay, cidade em que ela assombra, para dar um fim no fantasma e na série de assassinatos que ela anda cometendo. Só que o improvável acontece: Cas desenvolve uma estranha ligação com a garota e fica confuso quanto ao que fazer.

"Para alguém que foi assassinado do jeito que ela foi, sentir-se segura provavelmente se torna a maior prioridade." - página 176

Achei fascinante a junção de terror com romance que Kendare Blake decidiu colocar em sua obra. Era uma combinação que tinha tudo para dar errado, mas que funcionou perfeitamente. Os protagonistas são muito bem construídos, a escrita da autora é fluída e o "amor impossível" de Cas e Anna é conduzido com maestria pela autora. Sendo assim, é praticamente impossível não se envolver com esse romance e torcer para que os dois fiquem juntos no final.

Todos os elementos sobrenaturais da obra foram trabalhados de forma exemplar. Além da mitologia própria e original criada pela autora, há elementos místicos que de fato existem no mundo real. São eles: a entidade conhecida como Papa Legba, e a intensa prática do vodu e da bruxaria na cidade de Nova Orleans. Isso só mostra o quanto a autora se preocupou em pesquisar e trazer elementos que deem uma maior consistência e verossimilidade para seu projeto.

"Sinto isso na mente e no peito, como uma peça de quebra cabeça que a gente sabe que tem de entrar em algum lugar e continua a tentar enfiá-la por todos os ângulos. E então, de repente, ela se encaixa. De forma tão perfeita e completa que não dá para imaginar como era sem ela, mesmo que só há alguns segundos antes." - página 183

Os personagens são ótimos e extremamente cativantes. Cas, apesar de ser marrento e convencido, cumpre muito bem seu papel de protagonista e consegue conquistar o leitor. Anna é simplesmente uma das melhores personagens femininas que já vi. Frágil e forte ao mesmo tempo. Sombria, assustadora e extremamente fascinante. E ainda há os antagonistas, que são apaixonantes. Não citarei todos, apenas destacarei dois que gostei muito: Thomas e Carmel.

Se não bastasse tudo isso, ainda há o aspecto físico do livro, que é ótimo. Essa capa é maravilhosa e a diagramação e tradução do livro estão muito boas. Encontrei alguns errinhos de impressão e revisão, mas não é nada que atrapalhe e prejudique a nossa experiência com ele.

"Ela está comigo. Ela é o meu propósito, é nós vamos salvar um ao outro. Vamos salvar todos. E então vou convencê-la de que o lugar dela é aqui. Comigo." - página 235

Desta forma, só me resta recomendar "Anna Vestida de Sangue" para vocês. Para quem curte uma história assustadora e apaixonante, o livro será uma excelente pedida.

 
Nota: 

 

34 Comentários

  1. Oi, Tony!
    Não consigo não associar o Cas com os Winchesters hahhahahaha
    Eu amo a capa desse livro, mas não sei se leria. Já vi muitas resenhas negativas, assim como positivas. Aí fico em cima do muro por agora.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção de aniversário do blog Crônica sem Eira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Luiza! Somos dois então! rs Vez ou outra eu pensava nos protagonistas de Sobrenatural! hahaha Mas leia para tirar sua própria conclusão! :)

      Excluir
  2. Apesar de não curtir este gênero de livro, realmente é impressionante misturar romance com terror, algo inédito . Parabéns Tony pela forma como descreveu o livro, sua resenha como sempre impecável, me deu até vontade de ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Josenilda! Ah, muito obrigado. Fico feliz em saber disso! :)

      Excluir
  3. Oláá Tony
    Nossa, agora estou em dúvida se vou ou não gostar do livro... Acabei de ler uma resenha que apresentava muitos pontos negativos para o livro e a sua que me desperta curiosidade... Estou em dúvida, e agora?! hahshahshahs
    Abraços


    Jovem Literário

    ResponderExcluir
  4. Olá, Tony.
    Essa não parceria está melhor que a parceria, porque você ganha os livros e ainda não tem que ficar divulgando nada hehe. Estou louca para ler esse livro. Me lembrou muito a série A Mediadora da Meg, que amei. E a capa está maravilhosa.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil! Né? Pois é! hahaha O livro é incrível! Vale muito a pena ler! :)

      Excluir
  5. Oi, Tony.
    Caramba, gostei bastante do livro.
    A capa é sensacional.
    A temática do livro é de certa forma diferente do que se vê por aí na literatura.
    Gostei dessa junção de terror e romantismo, misticismo e cultura local.
    Boa resenha.
    Abraço.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diego! Que bom que gostou! :) Obrigado.

      Excluir
  6. Oi Tony, eu gostei muito desse livro!
    Estou precisando de livros novos e com certeza esse vai entrar na minha lista de compras. hahaha
    Terror e romance, são dois gêneros que eu gosto, imagine só os dois juntos?!
    Sua resenha está perfeita, me despertou muuuuito desejo de ler o livro.

    Beijos
    https://vestibulandaguerreira.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Valléria! Pois é. É certeza que você vai adorar o livro! :) Obrigado! <3

      Excluir
  7. Oi Tony
    Eu conheci este livro no evento Mochilão da Record e te confesso que tinha ficado com medinho de ler este livro, mas tenho visto tantos comentários positivos que estou curiosa pelo livro, e adoro este gênero. Vou colocar na minha listinha enorme de leitura.
    Adorei sua resenha.
    Beijos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nessa! Coloque mesmo e leia em breve. Tenho certeza que você vai amá-lo! :)

      Excluir
  8. Oi Tony!
    Infelizmente, n consigo me convencer a ler este livro, só pode ser birra, rsrs
    Essa junção de terror e romance me agradou num outro livro que li há tempos atrás, mas n sei se me agradaria nesse, talvez por ter uma pegada mais juvenil.
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Esse livro tem resultado em opiniões bem divergentes, né? Acho a proposta da história bem interessante, mas tenho receio quanto a parte do romance. A capa também não me cativou muito :( mas isso é o de menos né hahaha ótima resenha!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol! Nem tô sabendo disso... Mas é bem pouco romance que tem no livro!

      Excluir
  10. Oi Tony,
    Acho que sua resenha foi a primeira positiva que li haha
    Mesmo com tantas negativas, ainda quero dar uma chance. A capa é linda mesmo.

    tenha uma ótima semana
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nana! Sério? :O Dê mesmo! O livro é ótimo! :)

      Excluir
  11. Tony, eu nunca li e como estou super desatualizada em relação a livros também nunca escutei falar kkkkkk, mas gostei muito do título (sim sou dessas qua tem metade da opinião baseada no título) e tbm da resenha, vi tem ele realmente divide opiniões ;-)

    Beijão,

    Isa | http://isabellalessa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Isabella! Que bom que gostou do título e da resenha! :)

      Excluir
  12. Oi, Tony!
    Eu curto histórias apaixonantes, mas não as assustadoras rs. No entanto, gostei da criatividade da autora e essa parece ser uma boa dica para quem gosta do gênero. Só fiqui aqui curiosa para saber o desfecho desse romance.. haha.
    Abraços,

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bah! Hahaha entendo... Acho que você devia ler, hein? :)

      Excluir
  13. Castiel 💙 hahaha
    A história me interessou de primeira exatamente por me lembrar muito do seriado Sobrenatural - que, por sinal, eu amo. Parece ser muito 8 ou 80 as opiniões a respeito desse livro: vejo resenhas que facilitam e outras que detonam. Ansiosa para saber de qual lado vou ficar.
    Gislaine | Paraíso da Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gislaine! A história também me lembrou Sobrenatural! Espero que você fique do meu lado rs

      Excluir
  14. Uauuuu
    Amei o post hehe
    Adoro esse gênero...
    Adicionarei à minha lista
    bjs

    http://diariodalulu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. oii!
    desde de que eu fui pro mochilão da record e eles falaram sobre esse livro eu fiquei morta (literalmente) de curiosidade pra ler esse livro, parece ser muito bom! bela resenha!
    te marquei em uma tag lá no blog, espero que goste! bjs
    http://lendocomela.blogspot.com.br/2016/07/tag-7-pecados-literarios.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Micaela! É muito bom mesmo. E obrigado pela indicação! :)

      Excluir
  16. Oi, Tony tudo bem? E adorei conhecer esse livro. Tudo que remete a esses temas eu já quero conhecer hahaha

    www.robsonvascovith.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Robson! Tudo sim e contigo? Ah, que bom saber disso! :)

      Excluir
  17. Olá, Tony!
    Se antes eu já queria ler esse livro, depois de ler sua resenha é que quero ler mesmo hahaha A estória parece ser fantástica! Saber que a autora soube desenvolver muito bem me deu muito alívio haha Amei!
    Beijos, Garota Vermelha
    www.livrosdagarotavermelha.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nath! Ah, que bom saber disso! Espero que você leia e curta o livro! :)

      Excluir