Título: Lugares Escuros 
Título Original: Dark Places
Autora: Gillian Flynn  
Ano: 2015
Editora: Intrínseca
Páginas: 352
Sinopse: Libby Day tinha apenas sete anos quando testemunhou o brutal assassinato da mãe e das duas irmãs na fazenda da família. O acusado do crime foi seu irmão mais velho, que acabou condenado à prisão perpétua.
Desde aquele dia, Libby passou a viver sem rumo. Uma vida paralisada no tempo, sem amigos, família ou trabalho. Mas, vinte e quatro anos depois, quando é procurada por um grupo de pessoas convencidas da inocência de seu irmão, Libby começa a se fazer as perguntas que até então nunca ousara formular. Será que a voz que ouviu naquela noite era mesmo a do irmão? Ben era considerado um desajustado na pequena cidade em que viviam, mas ele seria mesmo capaz de matar? Existiria algum segredo por trás daqueles assassinatos?
Gillian Flynn intercala a trajetória detetivesca de Libby com flashbacks dos acontecimentos do dia dos crimes com tanta habilidade que o leitor é levado a diferentes direções. Escrito com primor, Lugares escuros não só mostra como a memória é passível de falhas, mas também evidencia as mentiras que uma criança pode contar a si mesma para superar um trauma.


OBS: A edição de Lugares Escuros que li foi a de Portugal (Quando li o livro ainda não tinham lançado ele aqui no Brasil...), mas resolvi colocar na resenha as informações e as quotes da edição brasileira. O motivo? Achei faria mais sentido postar as informações da edição que possui a maior acessibilidade para o público brasileiro (Diferente da do Brasil, a  de Portugal é bem difícil de encontrar para comprar...), mas enfim, vamos ao que interessa:


"Lugares Escuros" foi o segundo livro escrito pela autora Gillian Flynn. A obra, que foi originalmente lançada nos Estados Unidos em 2009, chegou às livrarias do Brasil somente em 2015. Nesse meu terceiro contato com a autora, Flynn só me fez reafirmar o que eu já vinha dizendo: Que ela é uma das melhores autoras da atualidade.

Posso afirmar com total certeza que das três obras que a Gillian já escreveu (Objetos Cortantes/Na Própria Carne, Garota Exemplar e Lugares Escuros), esta é a mais bem bolada, mais viciante, mais surpreendente e mais pesada. Querem provas? Vou dar a vocês:

Para vocês terem uma noção de como "Lugares Escuros" é suuuuuper pesado, saquem só a epígrafe que está lá na primeira página do livro:

"Os Day eram um clã que poderia viver à beça 
Mas Ben Day perdeu a cabeça 
O poder de Satanás o garoto queria 
E matou a família em meio a uma gritaria 

Da pequena Michelle torceu o pescocinho 

Depois de Debby fez picadinho 
A mãe, Patty, guardou para o final 
E, sem piedade, em sua cabeça deu um tiro fatal 

A bebê Libby conseguiu viva permanecer 

Mas passar por aquilo de modo algum é viver

- CANTIGA DE RODA, CIRCA 1985" 

Bem pesado e assustador, não é? E o livro é assim (quase) o tempo todo. Há uma cena em que animais são mortos para um ritual de satanismo (a cena mais pesada e desconcertante do livro, sem dúvidas), e há também as cenas dos assassinatos dos membros da família de Libby, sendo um mais brutal que o outro: Michelle foi estrangulada, Debby esquartejada e Patty teve (literalmente) os seus miolos estourados. E o pior (ou melhor, considerando a qualidade de escrita de Flynn) de tudo é que todas essas cenas são recheadas de detalhes. Então se preparem para ficarem desconcertados!

Como disse, o livro também é o mais viciante de todos já escritos pela autora. Gillian Flynn constrói o mistério de uma forma tão bem feita e tão instigante que o leitor só "sossega o facho" quando vira a última página da obra.
"Eu tenho uma maldade dentro de mim, tão real quanto um órgão. Corte minha barriga e talvez ela escorra para fora, viscosa e escura, e caia no chão para que você possa pisar nela. É o sangue dos Day. Há algo de errado com ele."

O romance é muito bem bolado e bem escrito. A autora faz uso da tática (que também foi usada em Garota Exemplar) de intercalar os pontos de vistas dos personagens a cada capítulo, deixando a narrativa da trama mais ou menos assim: Em um capítulo temos a Libby narrando (em primeira pessoa) os acontecimentos do presente, no outro é a Patty (mãe da Libby) narrando (em terceira pessoa) os acontecimentos do dia 3 de Janeiro de 1985 (esse foi o dia em que aconteceu o crime da história). Daí volta para a Libby e o presente e vai novamente para o passado, só que com outro narrador (em terceira pessoa): Ben Day (irmão de Libby e principal suspeito de ter cometido o crime). E por aí vai... O livro todo é construído dessa maneira, com as perspectivas e pontos de vistas desses três personagens. Isso, além de deixar a leitura do livro dinâmica, faz com que o leitor mude de opinião a cada capítulo.

Não poderia deixar de falar sobre os personagens do livro, não é? Falar de um livro de Gillian Flynn e não elogiar os seus personagens extremamente bem construídos é praticamente um crime! Então, vamos lá: A protagonista, Libby Day, é uma personagem (que assim como as outras protagonistas da autora) que foge do convencional. É ambígua e politicamente incorreta. Está a todo o momento nos contando o quanto ela é má, detestável e mentirosa, mas (acreditem em mim) é impossível não gostar da personagem e torcer a todo momento por ela.

"Eu não era uma criança adorável e me tornei uma adulta extremamente detestável. Se alguém fizesse um retrato da minha alma, veria um amontoado de rabiscos com presas."

Patty Day foi outra personagem que me conquistou. Apesar de só ter conhecido ela a partir de flashbacks, foi impossível não admirá-la por sua coragem, garra, e amor incondicional pelos filhos. Mesmo tendo que lidar com muitos problemas (financeiros e pessoais), a personagem só pensa no bem-estar de seus filhos, fazendo de tudo para o bem deles. E foi por isso que gostei tanto dela.

Também no núcleo dos Day, temos Diane (a irmã de Patty e tia de Libby e seus irmãos). A personagem, nos poucos momentos que aparece, rouba a cena por ser bem humorada e querer sempre ajudar a Patty e sua família.

E Ben, bem... Ben é um personagem complicado. Havia momentos em que eu me compadecia com o personagem, gostava dele e o entendia como ninguém. Mas havia momentos em que eu queria dar um soco na cara dele! rs

Por fim temos Lyle, um dos membros do Kill Club que contata Libby para convencê-la de que Ben é inocente. Lyle é o alívio cômico do livro e o responsável pelos melhores diálogos de "Lugares Escuros". Impossível não rir dele e com ele e não achar bonita a relação do personagem com a Libby. Lyle Wirth é sem dúvidas o meu personagem preferido do livro.

"Tirei um dos pés de sob o lençol, mas não consegui alcançar o chão. Acho que estou deprimida. Acho que tenho estado deprimida há uns vinte e quatro anos. Posso sentir uma versão melhor de mim em algum lugar lá dentro — escondida atrás do fígado ou presa a um pedaço de baço dentro do meu corpo mirrado, infantil —, uma Libby que me diz para me levantar, fazer algo, crescer, seguir em frente. Mas a maldade normalmente vence. Meu irmão massacrou minha família quando eu tinha sete anos. Minha mãe, minhas duas irmãs, mortas: bang bang, chop chop, gasp gasp. Realmente não tinha nada que eu pudesse fazer depois daquilo, nada era esperado."

Há ainda um ou dois personagens que eu queria citar e falar sobre como eles são bem construídos e desenvolvidos psicologicamente, mas não poderia por motivos de spoilers. Mas vocês (quando lerem o livro) irão perceber que todos os personagens (até os de aparições pequenas), principalmente a protagonista, possuem um perfil psicológico muito bem traçado.

"Eu me fechei, ignorando minha refeição, fazendo uma cara de mau humor. Esta era outra das expressões da minha mãe: mau humor. Significava sentir tristeza de um jeito que incomodava as outras pessoas. Sentir tristeza de forma explícita."

Sobre o final eu só tenho a dizer uma coisa: SURPREENDENTE. Essa é a palavra que descreveria muito bem os momentos finais de "Lugares Escuros". Eu fiquei literalmente de queixo caído com as revelações a respeito de quem é o autor do crime. Nunca iria acertar e acredito que ninguém que leu (ou vai ler o livro) também acertaria. Tudo é muito chocante, surpreendente e muito bem bolado. Palmas e mais palmas para Gillian por criar um final que mesmo sendo inimaginável é o ideal e que mais faz sentido para a trama.

Em suma, "Lugares Escuros" é um livro chocante, inteligente,  surpreendente e muito bem escrito. Ideal para quem está procurando um romance policial de primeira linha com personagens extremamente bem construídos e reviravoltas deliciosas.

"(...) Nunca posso alimentar esses pensamentos. Classifiquei essas lembranças como se fossem um lugar particularmente perigoso: um lugar escuro. Bastava alimentar por tempo demais uma imagem da minha mãe tentando dar um jeito na cafeteira quebrada ou de Michelle dançando em sua camisola de jérsei, e minha mente mergulhava em um lugar escuro. Manchas maníacas de um vermelho brilhante soam na noite. Aquele inevitável machado ritmado se movendo mecanicamente como se cortasse madeira. Disparos de espingarda em um pequeno corredor. Os gritos apavorados da minha mãe, ainda tentando salvar os filhos com metade da cabeça faltando."

Nota: 5 de 5 estrelas


PS: Lugares Escuros ganhou uma adaptação cinematográfica dirigida por Gilles Parquet-Brenner e estrelada por Charlize Theron, Nicholas Hoult e Chloë Grace Moretz. O filme chega aos cinemas de todo o Brasil hoje, dia 18.
PS 1: Posso até está enganado, mas notei alguns easters eggs (referências à outras obras da Gillian Flynn) em Lugares Escuros...
PS 2: ... o primeiro é sobre Garota Exemplar: Durante alguns momentos de Lugares Escuros, falam sobre Lisette Stephens. Libby nos conta que esta mulher desapareceu repentinamente e causou comoção em toda Kansas City. As pessoas saíram para procurar ela e a TV a todo momento exibia a foto de Lisette sorridente. Todo esse plot me lembrou o desaparecimento de Amy em Garota Exemplar, que talqualmente como o de Lisette, causa bastante comoção e repercussão na TV.
PS 3: ... o segundo é sobre Objetos Cortantes/Na Própria Carne: Em um determinado momento de Lugares Escuros falam sobre "umas crianças quaisquer assassinadas no sudeste do Missouri". O que isso me lembrou? Objetos Cortantes/Na Própria Carne, é claro! Nesse livro (que se passa em uma cidade fictícia do Missouri) duas crianças são assassinadas. Tudo isso pode ser só bobagem minha, mas achei interessante compartilhar aqui com vocês...

46 Comentários

  1. Uauuuuu Tony! Suas resenhas são brilhantes. Eu já tinha vontade de ler o libro, mas a sua resenha foi completa e me atiçou desesperadamente. Que aflição! Que tragédia nessa família. Assim que eu puder vou comprar esse livro e ler, até porque nunca li nada da autora.

    Parabéns pela resenha.
    Abraço.
    Diego, Blog Vida & Letras
    http://blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diego! Ahhh muito obrigado, fico tão feliz em "ouvir" isso. Bom saber que eu te atiçei a ler o livro! haha Pois é, cara! É um baita tragédia que acontece nessa família... :(
      Obrigado novamente! :)

      Excluir
  2. Olá, Tony.
    Que resenha completíssima! Bem escrita e aprofundada também, aliás.
    Eu já tinha certo interesse em ler a obra, agora você me ganhou de vez. Com certeza vou querer ler a obra, até porque a autora parece saber desenvolver de maneira inteligente tanto os crimes quanto as passagens mais voltadas para o romance.
    Excelente dica.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de junho. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tudo bem? Ahh obrigado, fico feliz em saber que você achou isso da minha resenha! :) O livro é muuuuito bom, acho que você vai gostar dele! E a Gillian sabe desenvolver todas as nuances do livros com maestria! :D É um ótimo livro.

      Excluir
  3. Oi, Tony!
    Toda vez que você escreve uma resenha como essa, eu tenho vontade de correr e comprar o livro o mais rápido possível!
    Ainda não li nenhum livro da Gillian Flynn, mas pelos seus elogios, a escrita dela deve ser maravilhosa.
    Lugares Escuros já está na minha lista de desejados!
    Beijos

    Construindo Estante || Curta a fan page
    #MêsDosNamoraados do Costruindo Estante. Concorra a 1 vale presente de R$ 50,00 da Saraiva.
    Participe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Eliana! Haha que legal, fico feliz em saber que minhas resenhas causam esse efeito em você! :D
      Sim, a escrita da Gillian é realmente maravilhosa! Acho que você vai curtir os livros dela! :)

      Excluir
  4. Oi Tony, a epígrafe já provoca arrepios (sério, sério, sério mesmo!) rss (espero ter enfatizado o suficiente), imagina o restante da obra! Meu Deussssssssssssss, kkk vou juntar coragem para lê-lo.
    Abraços Tony, ótima resenha! ;)

    http://joandersonoliveira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Joanderson! Pois é cara, o livro já começa a dar arrepios com a epígrafe! rsrs Ele tem um clima bem arrepiante mesmo, mas é muuuuito legal! Espero que você o leia em breve! Obrigado! :)

      Excluir
  5. Olá, Tony.
    Essa resenha ficou espetacular. Eu gostei muito da escrita da autora em Garota Exemplar. Gostei da forma como ela jogou com o leitor fazendo que a minha opinião mudasse a todo instante. É claro que me interessei pelo livro e assim que der eu vou ler. A epígrafe já me deixou arrepiada.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil! Nossa, muito obrigado! Fico feliz que você tenha achado isso da minha resenha! :) Isso é uma das coisas que mais gosto na escrita da Gillian e ela faz isso nesse livro também! :D Acho que você vai amar Lugares Escuros, hein?

      Excluir
  6. Eu estou maluca pra ler esse livro, ainda mais dps de ver o trailer do filme! Sua resenha so aumentou essa vontade
    Beijos, Tabatha
    http://aproveiteolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tabatha! O filme parece que está ótimo, né? Se for como o livro, é excelente! :)

      Excluir
  7. Tony!!!!
    Tudo bem querido? Eu AMEIIIIIIIIIIII SUA RESENHA! Mega arrasou, eu sou muito fã da autora desde Garota exemplar quando ela me deixou de boca aberta, e eu quero muito ler esse, antes de sair o filme de preferencia, como a tradição, pelo que apontou, era exatamente o que estava esperando, um livro pesado, inteligente, chocante e fodão, hahahahah, como a autora! Sim, eu quero, vou comprar assim que possível, PARABÉNS pela resenha!
    Beijos
    Paulinha Juliana - Overdose
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2015/06/resenha-herdeira-selecao-4-kiera-cass.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paula! Tudo ótimo e contigo? Ahhh que legal, fico mega feliz em saber que você gostou tanto da minha resenha! :D Eu também virei fã da Gillian Flynn desde que li Garota Exemplar, ela mandou muito bem nesse livro, né? E em Lugares Escuros também! Acho que você vai amar o livro! Obrigado! :)

      Excluir
  8. Oi Tony!
    Assisti ao filme de Garota Exemplar e amei! Preciso muito ler os livros da Gillian e vou começar por Lugares Escuros. Adoro um romance policial e acredito que ela vai me surpreender muito.

    Beijos,
    Epílogos e Finais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bianca! O filme de Garota Exemplar é muito bom, né? Realmente, acho que Lugares Escuros vai te surpreender bastante mesmo! :)

      Excluir
  9. Oii,
    Adoro a autora e quero muito ler esse livro.
    Nem preciso dizer que suas resenhas são ótimas né!?

    Beijos,
    Juh
    http://umminutoumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Juh! A Gillian é uma excelente autora, né? Haha obrigado, fico feliz em saber que você acha isso das minhas resenhas! :)

      Excluir
  10. Oi Tony!
    Amei Garota Exemplar e não vejo a hora de ler esse e os outros livros da autora. Não sabia que a Gillian usava easter eggs, vou procurar ler na ordem.
    Abraço!
    Leitura Fora De Série

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Guilherme! Espero que você goste desse e do outro livro da Gillian Flynn, eu adorei ambos. Pois é, tem essas referências dos outros livros dela em Lugares Escuros...

      Excluir
  11. Você nem virou mega fã da autora ein haha nunca li nada dela, só o filme de Garota Exemplar, que já me deixou perplexa, imagina esse então! E ainda assim, fiquei super curiosa com sua resenha pra ficar em choque com essas cenas também, adoro esses livros que tratam as coisas de uma forma mais realista e usando palavras fortes.

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/2015/06/desafio-de-genero-suspense-ultima-vitima.html
    Tem resenha nova no blog de "A Última Vítima", vem conferir!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol! Né isso! haha A Gillian se tornou a minha autora preferida! <3 O filme Garota Exemplar é muito bom, né? Lugares Escuros também! Acho que você vai adorar o livro! :D

      Excluir
  12. Oi, Tony!
    Você realmente é fã da Flynn, hein? Hahaha...
    Quero muito ler todos os livros dela, sem exceção. Ainda não li nenhum por falta de oportunidade, mas algo me diz que irei amar. Adoro thrillers psicológicos. Espero não me decepcionar.
    Ah, e só vou assistir as adaptações dos livros dela quando lê-los antes. Não quero perder as surpresas da leitura.
    Parabéns pela resenha!
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Leandro! Siiim, sou mega fã da autora! :) Olha, os livros delas são muuuito bons! Até então, nenhum me decepcionou. Espero que eles também não o decepcionem...
      Faça isso mesmo, é melhor!
      Obrigado! :)

      Excluir
  13. Oi, Tony! Confesso que fiquei com medo quando você disse que esse é o melhor livro da Gillian. Por quê? Porque os outros dois são bons demais! Não sei como esse conseguiria ser melhor ainda, sinceramente. Quero muito ler, e assistir ao filme, é claro. Ah, e achei muuuuito legal a possível existência de "easter eggs".

    Beijão, Guta! ♥
    www.opinada.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Augusta! Tudo bem? É uma tarefa mega difícil escolher o melhor livro da Gillian, mas acho que Lugares Escuros ganha (por uma pequena diferença) dos outros livros... Pois é, eu também achei isso muuuuuito legal! :D Depois quando você ler o livro, me conta se você também achou que são easter eggs?!

      Excluir
  14. Olá
    sou muito curioso para ler tanto Objetos Cortantes quanto esse dai, eu já vi o filme Garota Exemplar e simplesmente amei de mais, rsrs
    Abçs
    Passa Lá No meu Blog - http://ospapa-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Netinho! Tanto Lugares Escuros quanto Objetos Cortantes são ótimos livros! Espero que você leia e goste bastante dos dois! :)

      Excluir
  15. Oi, Tony! Já estava curiosa sobre Lugares Escuros e agora estou ainda mais. Li Objetos Cortantes esse mês e gostei muito da escrita da Gillian Flynn, fiquei impressionada com a construção da protagonista e de toda a história. Não vejo a hora de conferir os outros trabalhos dessa autora. Beijos!

    http://frases-perdidas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gabi! Objetos Cortantes é muito bom, né? E Lugares Escuros também. Todos livros da Gillian são ótimos, na verdade... Espero que você possa ler eles em breve! :)

      Excluir
  16. Oi Tony!
    Eu amei "Garota Exemplar" e fiquei triste de não ter lido o livro antes de ter visto o filme.
    Neste caso, lerei primeiro. Certeza! Só vejo elogios a essa obra e autora. Amei sua resenha.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alessandra! Garota Exemplar é muuuito bom, né? É recomendável que você faça isso mesmo! rs Espero que você curta Lugares Escuros! :)

      Excluir
  17. gostei muito da resenha,só pela resenha aparenta ser um ótimo livro!!
    unhas-e-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Raissa! Fico feliz que você tenha curtido a resenha! :)

      Excluir
  18. Posso dizer que amo suas resenhas? Ficou maravilhosa !!
    Estou namorando, desejando fielmente esse livro, ainda não tive a oportunidade, mas quero muito ler ele;
    me parece ser tão bom <3

    Beijos
    http://intoxicadosporlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Joice! Ahhhh muito obrigado! Fico mega feliz em saber disso! <3 O livro é muuuuuito bom, vale a pena ler ele! Espero que você o leia em breve! :)

      Excluir
  19. Oi Tony,
    Estou louco para ler Lugares Escuros, pq tbm adoro a Gillian Flynn. Só que vou esperar a capa original, pq nao curti mto a do filme.
    O fato é que Gillian Flynn foi a autora que estabeleceu um padrão altissimo para o genero policial, e fico feliz em saber que esse padrão nao decaiu em Lugares Escuros.
    Abraço,
    Alê
    www.alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alexandre! A Gillian e uma excelente autora, né? Também vou esperar para comprar o livro quando lançarem a capa original! Não decaiu não, o que é ótimo! :)

      Excluir
  20. Oie,
    Adoro suas resenhas, são de livros que parecem incríveis. Tem um ótimo gosto e consegue me convencer a querer ler.
    Beijinhos Screepeer
    screepeer.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ágatha! Fico feliz em saber que você curte as minhas resenhas! :D

      Excluir
  21. Oi Tony!

    Que resenha maravilhosa, esperei ansiosa e você não me decepcionou, nem um pouco! Quero muito ler algo da autora, mais por falta de oportunidade eu vinha adiando. Mais agora preciso ver a Charlize Theron sendo maravilhosa mais uma vez nos cinemas e antes de conferir o filme, pretendo ler o livro.
    Fiquei com medo, desses detalhes. Vou preparar o estomago!

    Beijos!

    Cintia
    http://www.theniceage.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cintia! Ahh obrigado, fico mega feliz em saber que eu não te decepcionei e que você adorou minha resenha! :) Sugiro que você leia os livros da Gillian logo, algo me diz que você vai se amarrar nas obras dela! :D É melhor se preparar mesmo...

      Excluir
  22. Ainda não li nenhum livro dela, mas vi o filme de Garota Exemplar e me impressionei demais com a trama. Quero ler o livro, mas como já sei o final, não sinto tanta vontade assim. De qualquer forma, Lugares Escuros parece ser bom demais! De onde que ela tira tanta criatividade (e escuridade) para escrever coisas assim?
    Amei a resenha; me deixou muito curiosa para ler o livro.

    Beijos,
    Bi.

    - www.naogostodeunicornios.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bianca! Garota Exemplar é muuuito bom, né? Lugares Escuros também é! Espero que você possa ler o livro e assistir o filme em breve! :)
      Boa pergunta, hein? rsrs Fico feliz que você tenha curtido a resenha! :D

      Excluir
  23. Ninguém pode negar que sua empolgação com os detalhes explícitos é meio bizarra, Lucas. Rsrs! Essa empolgação se reflete em outros fatores e isso o torna suspeito para indicar o livro. Embora quem já leu Flynn sabe: você tem toda razão! Flynn não desbrava novos caminhos da escrita, mas tem um estilo próprio e constrói enredos complexos e profundos, foge das fórmulas de mistério tradicionais, justamente porque os trabalha em cima de algo que é a sua marca: a dualidade do caráter das personagens, tão bem construídos, motivados sempre a agir por suas necessidades e convicções e não pelo senso comum de seu (esterió)tipo. O discurso através das páginas convence, pois as tramas têm faces verossímeis - uma realidade talvez distante, como um acidente aéreo no mar ou chacina em escolas (pela fatalidade e incredibilidade mesmo quando o mistério é desfeito), mas crível. Ainda bem que temos acesso a esse trabalho e bom mesmo é ter pessoas que reconhecem isso: sua resenha, Lucas, faz jus a Flynn. "Lugares Escuros" é uma leitura que ainda me falta, mas logo vou atrás. Parabéns, anyway! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Agatha! KKK eu sabia que devia ter me contido na hora de escrever a resenha! rs Pois é, sou mega suspeito para indicar o livro! haha Olha, concordo com absolutamente tudo o que você escreveu: Flynn é realmente tudo isso! :D
      Ah e muito obrigado, fico mega feliz em saber que você tenha achada isso da minha resenha! <3

      Excluir